CuritibaDestinosO que fazerParaná

Dicas de parques e bosques para conhecer em Curitiba

Dicas de parques e bosques para conhecer em Curitiba –  A cidade de Curitiba reúne várias atrações que agradam todos os gostos e estilos de viajantes, mas para quem curte natureza e ao mesmo prefere não se afastar muito dos centros urbanos, a dica é conhecer os belos parques que existem na capital paranaense.Vamos mostrar 3 importantes parques de Curitiba que conhecemos quando estivemos por lá e que aconselho pra quem curte esse tipo de passeio.

O Jardim Botânico é um dos Parques e Bosques pra se conhecer em Curitiba
O Jardim Botânico é um dos Parques e Bosques pra se conhecer em Curitiba

TANGUÁ

O parque do Tanguá é de uma beleza surpreendente, foi criado para aproveitar o espaço de uma antiga pedreira e tem cerca de 235 mil m². Na parte de cima do parque existe o belo Jardim Poty Lazzarotto e uma estrutura que serve como mirante, com vista para parte de baixo do parque, que tem dois lagos, cachoeira, pista de caminhada e até um túnel aberto direto na rocha bruta com cerca de 45 metros de extensão e que une os lagos, podendo ser atravessado a pé por uma passarela sobre a água. O Parque Tanguá fica a cerca de 20 minutos do centro da cidade e faz parte da rota da ônibus da linha turística de Curitiba.

Endereço: Rua Oswaldo Maciel, no bairro de Pilarzinho
Horário de funcionamento:  diariamente das 8h às 18h

Parque Tanguá visto de cima (foto C. Ruggi)
Parque Tanguá visto de cima (foto C. Ruggi)
No alto do mirante dá pra ter uma boa vista da frente e dos fundos do Parque do Tanguá
No alto do mirante dá pra ter uma boa vista da frente e dos fundos do Parque Tanguá
A parte da frente do Parque do Tangua
A parte da frente do Parque Tanguá
A parte da frente do Parque do Tangua
Olha eu ai na entrada do Parque Tanguá
Um dos lagos na parte dos fundos do Parque do Tanguá
Um dos lagos na parte dos fundos do Parque Tanguá

 

BOSQUE DO PAPA

Vou confessar que foi o parque que mais curti! Quando visitamos o Bosque do Papa deu para notar que o espaço é usado como área de lazer para amigos e famílias aproveitarem para praticar esportes e passar algum tempo juntos, principalmente nos finais de semana. Existe um memorial em homenagem ao Papa João Paulo II e a exposição permanente sobre o imigrante polonês, com réplicas de cabanas dos poloneses que mostram um pouco da cultura e do ambiente que eles viviam. Pertinho dali, na verdade ao lado do parque, é possível visitar o MON (Museu Oscar Niemeyer), mais conhecido como Museu do Olho.

Endereço: R. Euclídes Bandeira – Centro Cívico
Horário de funcionamento: todos os dias, das 6h às 20h

O Bosque do Papa, com o memorial em homenagem ao Papa João Paulo II
No Bosque do Papa tem o memorial em homenagem ao Papa João Paulo II
As réplicas das casas na exposição sobre o imigração polonesa.
As réplicas das casas na exposição sobre o imigração polonesa.
Um espaço para família e amigos
O Bosque do Papa é um ótimo espaço para família e amigos
Museu Oscar Niemeyer, mas conhecido como Museu do Olho.
Museu Oscar Niemeyer, mas conhecido como Museu do Olho.

JARDIM BOTÂNICO de Curtitiba

Claro que um passeio pelos parques de Curitiba não poderia deixar de fora o mais famoso deles, visitar na cidade e não ir no Jardim Botânico, é como ir ao Rio e não visitar os botecos da Lapa…ops, quis dizer “ir ao Rio e não visitar o Pão de Açucar!” rs. O Jardim botânico de Curitiba é um dos espaços públicos mais visitados da região,  milhares de pessoas passam por lá diariamente, afinal é o cartão postal da cidade! A beleza dos jardins com a tradicional estufa de vidro no fundo garante belas fotos, mas confesso que uma coisa não me fez curtir tanto, pois para conseguir fazer sua foto vai demorar bastante por conta dos muitos turistas que estão por lá, então ou sua foto vai ter vários coadjuvantes no fundo ou espere bastante para conseguir um ângulo para ter uma foto só com a paisagem. Mas não tem jeito, se você vai conhecer um ponto turístico tradicional da qualquer cidade vai ter que encarar esses tipo de situação. A dica é ir no fim do dia (apesar do frio) para curtir o belo pôr do Sol que acontece por lá!

Endereço: acesso pela rua Eng. Ostoja Roguski
Funcionamento: segunda-feira a domingo.
Horário: No verão, das 6h às 21h; no inverno, das 6h às 20h

Jardim Botânico de Curitiba
Jardim Botânico de Curitiba
Jardim Botânico de Curitiba
Jardim Botânico de Curitiba
A tradicional estufa de vidro do Jarim Botânico de Curitiba
A tradicional estufa de vidro do Jarim Botânico de Curitiba
A tradicional estufa de vidro do Jarim Botânico de Curitiba
A tradicional estufa de vidro do Jarim Botânico de Curitiba
Muito legal curtir o fim de tarde no Jardim Botânico de Curitiba
Muito legal curtir o fim de tarde no Jardim Botânico de Curitiba
É possível fazer um passeio por dentro da estufa do Jardim Botânico de Curitiba
É possível fazer um passeio por dentro da estufa do Jardim Botânico de Curitiba

OUTROS PARQUES DE CURITIBA

A cidade tem outros parques e bosques que são bem legais, mas não tivemos tempo de vista-los (ainda), mas fica a dica aqui para você conhecer o PASSEIO PÚBLICO, o mais antigo parque municipal e que foi o primeiro zoológico da cidade, o Parque BARIGUI que é um dos maiores de Curitiba, O Parque TINGUI que homenageia o primeiro povo indígena que habitou a região e o BOSQUE ALEMÃO que além dos jardins maravilhosos, conta com atrações relacionadas à cultura germânica.

CURTIU?!
Aproveita e dá uma olha no vídeo que gravamos quando passamos por Curitiba de Kombi, para gravar a Websérie “De Carona Com Walentina“. Foi muito legal e além dos parques tem outras dicas da cidade.


Boas Viagens e lembrem-se….Seu destino é você quem faz!
 
VIVA EXPERIÊNCIAS intrip.com.br
CURTA facebook.com/intripBR
SIGAtwitter.com/intripBR
VEJA instagram.com/intripBR
ASSISTA: youtube.com/intripBR
Post anterior

Taormina, um típico restaurante italiano em São Paulo

Próximo post

Entrada em Machu Picchu tem novas regras