CorrespondenteDestinosDicas & NewsnormalTunisia

Como se locomover na Tunísia

E recebemos mais um post de nossa colaboradora Luanda pereira, que mostra os encantos, as dicas, as dificuldades e tudo que você precisa saber para conhecer esse país tão diferente do Brasil, mas que é fascinante. Veja todas as dicas para conhecer a Tunisia lendo os outros posts dela (Clique aqui)

Neste post vamos ver as dicas de como se locomover por lá! Pegar ônibus, trem, alugar um carro? Qual será a melhor maneira de se orientar pelas cidades da Tunísia. Como será que nossa correspondente se virou por lá? É isso que vamos ler agora nesse 4º post da série “Viajando para Tunísia

Boa Leitura!
Editor blog intrip

TGM_Sidi_Bou_KassusTrem na Tunísia (foto: reprodução da internet)

A capital possui ônibus, trens e metrô que precisam se complementar, pois nenhum deles cobre a cidade inteira. Eu tentei, juro que tentei pegar transporte público na tentativa de economizar, mas lá não é como aqui que você chega no metrô e tem tudo em inglês e português, pessoas que sabem falar inglês para ajudar e boas sinalizações.

Os trens passam por cima da cidade, mas não há muros de isolamento, como na Supervia no RJ por exemplo, você tem que ficar ligado se não tem um trem vindo quando for passar por cima da ferrovia para atravessar a rua. Nessas condições, os trens andam obviamente devagar, ao ponto de ter gente que pega carona pendurado do lado de fora.

P1040753Café próximo ao African Bank, no centro de Tunis (foto: Luanda Pereira)

Tanto as estações dos trens quanto as fachadas dos ônibus, tudo somente em árabe. E aí como que faz? Não faz! Não tem condição nenhuma de conseguir andar sozinho de transporte público sem alguém te ensinar antes como proceder. Se quiser se aventurar, dá uma olhada no site em francês que tem horários e tarifas dos trens: http://www.transtu.tn/index_f.php.

O que sobra? O taxi, o que aqui no RJ evito tanto, por ter um preço tão abusivo. Pensei que ia gastar uma grana absurda, até eu entrar no taxi e descobrir que a primeira bandeirada é 0,480TND (é como se fossem R$0,64). Mas hein? Pois é, aí você atravessa a cidade e o taxi dá uns três ou quatro Dinares.

WP_005755Andando de taxi pela cidade me deparo com essa petshop chamada Amazonia

Tunisianos não sabem nomes de ruas. Não sabem. Nem mesmo os taxistas. Nem mesmo quando é ponto turístico. Chega a ser engraçado, eles se localizam através dos bairros e nomes das coisas, tipo “banco tal”, “residencial xyz” ou pelas mesquitas que estão espalhadas pela cidade.

WP_005677Andando de taxi com um guia que contratei por um dia

Se você for pra lá e por motivos tecnológicos for ficar sem GPS, faça como eu e estude o mapa da cidade, dos pontos que você quer visitar e da área próxima ao local que ficará hospedado. Deu super certo. Aprendi a andar na cidade e sabia o nome das ruas ao ponto de guiar os taxistas na volta para casa. Fiz isso mais de uma vez e fiquei orgulhosa do meu senso de localização.

Infelizmente o Google Maps na Tunísia não tem streetview e nem é possível conferir as rotas integradas ao serviço local de ônibus, trens e metrô, como por aqui, mas dá para ver onde tem as estações pelo menos.

Ficou curioso? Confira mais estas dicas de como andar de Taxi pela Tunísia:
http://www.tunisia-live.net/2013/06/26/a-beginners-guide-to-tunisian-taxis

 

TEXTO ESCRITO PELA CORRESPONDENTE:

LuandaLuanda Pereira,

Sou feliz, designer/webdesigner, arquiteta de informação, corredora (faço 5km em 32′ ) e sou uma futura gostosa.

 

Boas Viagens e lembrem-se….Seu destino é você quem faz!

VIVA EXPERIÊNCIAS: intrip.com.br
CURTA facebook.com/intripBR
SIGA twitter.com/intripBR

 

Post anterior

O que fazer em Teresópolis?

Próximo post

O que fazer na Lagoa (RJ)